Zudizilla – Zulu, Vol. 1: De Onde Eu Possa Alcançar o Céu Sem Precisar Deixar o Chão (2019)

Origem: Brasil
Gênero(s): Rap, Hip Hop Alternativo
Gravadora: YB Music

Posso ser suspeito pra falar, mas considero o Zudizilla um dos nomes mais interessantes do rap nacional atualmente. Existem muitos MCs aqui em terra brazilis e isso é um fato, cada um com suas características únicas e diferenças, mas o Zudizilla é um caso à parte. O cara é um ET, tem algo nele e no trampo dele. Uma vibe única. Aquela parada tão distinta que faz com que tu consiga identificar algo dele no momento em que começa a tocar. Depois do sensacional Faça a Coisa Certa, considerado seu álbum de estréia, o rapper vinha trabalhando cuidadosamente no sucessor. Mas quando eu digo cuidadosamente, era cuidadosamente mesmo. Em cada novidade que era postada sobre o vindouro álbum, era notável que foi tudo meticulosamente feito para que o álbum saísse o melhor possível. E, olha só, saiu.

Zulu, Vol. 1: De Onde Eu Possa Alcançar o Céu Sem Precisar Deixar o Chão é um livro aberto onde Zudizilla expõe tudo que há em si. As fraquezas, as forças, as ambições. É nítido. São 11 faixas inéditas e uma que já havia sido lançada em parceria com a RapBox. Todas de uma coesão absurda, tão consistentes que, embora tratem vários temas, se englobam e funcionam tanto separadas como uma coisa só. Armado de beats e samples precisos e escolhidos a dedo, não há como sair incólume de um disco desses, assim como em seu predecessor. DOPAC SPDC transita por temas como depressão e uma jornada de autoconhecimento, amor, racismo e não só isso, mas mostra a jornada de um artista em um lugar totalmente novo em um coletivo no qual o mesmo não se encaixa.

É um álbum sincero, feito de coração pra mostrar quem é Zudizilla e porque ele está aqui. De Onde Eu Possa Alcançar o Céu Sem Precisar Deixar o Chão é um dos melhores discos lançados no Rap nacional atualmente, que não deve ser visto somente sob o prisma de um álbum de rap, mas sim como um álbum documentário, uma conversa, uma partilha. Onde somos postos como testemunhas do que o cara vive e do que o cara conquistou e ainda vai conquistar. É um álbum pra te fazer pensar, refletir, ver a humanidade do artista e que, sem sombra nenhuma de dúvida, faz com que o rapper alcance o céu enquanto mantém os pés firmes no chão.

Um pensamento sobre “Zudizilla – Zulu, Vol. 1: De Onde Eu Possa Alcançar o Céu Sem Precisar Deixar o Chão (2019)

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s