Supertramp – Breakfast In America (1979)

Origem: Inglaterra
Gêneros: Rock Progressivo, Pop
Gravadora: A&M

Supertramp, uma banda que iniciou uma carreira promissora no Rock Progressivo no início dos anos 70 com o seu auto-intitulado e Indelibly Stamped não obteve um sucesso comercial desejado. A partir do terceiro disco, a banda foi se tornando cada vez mais Pop, e Breakfast In America tem umas das canções mais famosas do grupo, em outras palavras, foi aqui que o sucesso comercial da banda explodiu. Mas mesmo mantendo um som Pop, Breakfast In America é um disco bem imprevisível e com ótimas seções instrumentais, que valem a pena conferir. Mas mesmo assim, possui algumas coisas que deixam a desejar, infelizmente.

A banda era composta por Rick Davies (teclado, vocais e harmônica), John Helliwell (saxofone, vocais e instrumentos de sopro), Roger Hodgson (guitarra, teclado e vocais), Bob Siebenberg (bateria) e Dougie Thomson (baixo) fazem um som com certa influência Progressiva de seus trabalhos anteriores e com a adição de um Pop fácil de assimilar, porém interessante (que vai desde Toto a Bee Gees), temos em Breakfast In America um álbum muito eclético e posso dizer até bom. Faixas como “The Logical Song”, a faixa-título, “Lord It Is Mine” e “Take The Long Way Home”, cantadas por Roger Hodgson, são música grudentas e cativantes, tendo bastante coisas ocorrendo ao mesmo tempo (com exceção da balada “Lord It Is Mine”). A voz de Roger combina com todos os momentos dessas faixas e lembra Jon Anderson do Yes, ficando bem bonito de se ouvir para os fãs de Yes.

O que contradiz isso é as faixas onde Rick Davies canta. Não que sua voz mais grave seja ruim, pelo contrário, é bem bacana. O problema é que tem Roger cantando em algumas seções. Ele impõe uma voz de Bee Gees irritante e nojenta, mas estranhamente grudenta, que dá uma certa raiva de ouvi-lo, pois já sabemos que não iremos esquece-la tão cedo. Mas tirando isso, as canções cantadas por Rick são bem interessantes, mas não tanto quanto as cantadas por Roger, o principal motivo é justamente a voz ser mais agradável e mais “curtível”, se ignorarmos os momentos Bee Gees dele. E o dueto entre eles não são dos melhores. Na faixa inicial, “Gone Hollywood”, soa até estranho, e quem faz ficar interessante é Rick, e a razão de eu falar isso já deve estar óbvia. Já no trio de cantores que temos é na última faixa, “Child Of Vision”, funciona melhor, mas o que Roger faz bem sozinho, em dupla faz ficar irritante, e o mesmo se diz em trio (John Helliwell canta nela também). Caso o homem tivesse uma noção melhor do que estava fazendo, as coisas ficariam melhores e “Child Of Vision” seria a melhor canção do disco e um ótimo encerramento.

E caso alguém diga que Rick Davies não canta sem a participação de Roger Hodgson, ele canta em “Just Another Nervous Wreck” e “Casual Conversations”. Na primeira citada, ele faz muito bem, e a banda faz um ótimo trabalho e com a boa produção do disco, tudo soa divertido. Já na segunda, ela chega a ser chata. Até ser a mais chata do álbum. Nem o solo de saxofone, que percorre pelo disco todo de maneira excelente, não consegue salvar a faixa de um tremendo tédio. E não dá para negar, o instrumental, por mais Pop que seja, é sensacional. Ele entra nos seus ouvidos e você sente o prazer em ouvi-lo. A banda é muito competente no que queria fazer. Este álbum é recomendado para aqueles que querem uma aproximação entre o Pop e o Progressivo, que em minha opinião em Breakfast In America, sexto disco de estúdio da banda, funciona muito bem, por mais que acontece alguns erros, não prejudica a totalidade. Confira se você quer expandir seu gosto musical.

2 pensamentos sobre “Supertramp – Breakfast In America (1979)

  1. Esse é o único disco do Supertramp do qual conheço alguma coisa, no mais, este disco é muito bom, realmente!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s